Sexta, 21/04/17 -- O ESPÍRITO SANTO NOS COMPLETA

Refletindo: Atos 8.14-17
 
A visita apostólica de Pedro e João não tinha uma finalidade fiscalizadora. Antes, visava a integração. Todos nos lembramos que judeus e samaritanos eram inimigos. Para o cristianismo, que não faz acepção de pessoas, todos são um em Cristo. Os samaritanos tinham sido alcançados pelo Espírito Santo por intermédio de Filipe. 
Pedro e João vão até ao encontro dessa nova comunidade para dizer: "Somos todos iguais. Nós recebemos o Espírito Santo, no Pentecoste. Vocês não estavam lá, porque ainda não tinham encontrado Jesus como Salvador. 
Agora, encontraram. Recebam, como nós, o Espírito Santo". 
Por sua história, a tendência natural daquela igreja, a primeira a se formar fora de Jerusalém, era se constituir à parte dos apóstolos. Com a visita de Pedro e João, no entanto, o Espírito Santo confirmou a pregação de Filipe. A unidade da igreja estava garantida. 
Não há, portanto, nada de normativo nesta experiência samaritana. O que aconteceu com eles não precisa acontecer conosco. Há um só Corpo de Cristo porque há um só Espírito Santo. Recebemos o Espírito Santo quando nos convertemos. 
A experiência samaritana também nos ensina que, sem o Espírito Santo, nossa vida cristã é incompleta. Nossa doutrina também o é. 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

Array
(
    [type] => 8
    [message] => Undefined index: option
    [file] => /home/praze123/public_html/libraries/joomla/environment/uri.php
    [line] => 408
)